Notícias da Paraíba

Ministério Público de Contas pede suspensão de “supersalário” de prefeito de Pombal ao TCE

O Ministério Público de Contas da Paraíba (MPC-PB) pediu ao Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) a imediata suspensão do “supersalário” do prefeito de Pombal, Abmael de Sousa Lacerda, mais conhecido como “Doutor Verissinho”. O órgão considera o aumento inconstitucional.

De acordo com o MPC, com o reajuste concedido este ano, a remuneração do do prefeito passou para R$ 29,6 mil, sendo a maior entre os 223 prefeitos paraibanos. O órgão também ainda o ressarcimento dos valores já pagos ao gestor.

A ação torna alvo também o vice-prefeito e os secretários municipais. O pedido de cautelar de suspensão dos pagamentos foi enviado para analise do Conselheiro Fernando Rodrigues Catão, relator do processo.

com ClickPB

WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook
Digite o assunto de seu interesse: