Notícias da Paraíba

Quaest aponta Michelle como favorita para herdar votos de Bolsonaro no Nordeste

A mais recente pesquisa Genial/Quaest indica que a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro é a preferida entre os eleitores de Jair Bolsonaro (PL), na região Nordeste, para concorrer à Presidência da República em 2026 caso o ex-presidente não possa entrar na disputa.

A esposa de Bolsonaro foi apontada como melhor nome para enfrentar o presidente Lula (PT) em 2026 por 31% do eleitorado do ex-presidente na região. Em seguida, o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), aparece com 20%.

A ex-primeira-dama não confirma que será candidata à Presidência, mas integrantes do PL não descartam essa possibilidade. A pesquisa é importante porque mostra a tendência dos eleitores de Bolsonaro em meio à inelegibilidade do ex-presidente.

No comando do PL Mulher, Michelle participa de uma série de agendas políticas pelo país, preparando nomes e incentivando lideranças femininas a disputarem as eleições municipais deste ano.

Em julho de 2023, Michelle esteve em João Pessoa, ocasião em que se reuniu com caciques do PL e participou de um ato com as presenças de pessoas com deficiência e crianças com doenças raras, que são pautas que ela busca abraçar publicamente.

Na pesquisa Quaest, também são citados pelos eleitores de Bolsonaro da região Nordeste como opções para 2026 o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil), com 5%, o governador do Paraná, Ratinho Júnior (PSD), com 9% e o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), com 3%.

O levantamento aponta, ainda, que 32% não sabem ou não responderam à pergunta.

Metodologia Quaest
A pesquisa foi divulgada na última segunda-feira (13), tendo sido feita presencialmente, e ouviu 2045 pessoas, com 16 anos de idade ou mais, entre os dias 2 e 6 de maio. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos. Na região Nordeste, a margem de erro máxima é de 4%. O nível de confiabilidade é de 95%.

Jornal da Paraíba

WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Mais lidas

1

Imagens de satélite mostram antes e depois da destruição na Grande Porto Alegre
Digite o assunto de seu interesse: